A pele e o adolescente

Tecnologia Iônica para a firmeza cutânea

A arquitetura da pele sofre alterações ao longo do tempo com o processo natural de envelhecimento e são acelerados pelos fatores extrínsecos, ocasionando mudanças estruturais capazes de modificar o contorno facial.

Ocorre a diminuição do volume de gordura facial, flacidez, atrofia muscular, perda de sustentação dérmica e óssea, o que acarretam na Quadralização Facial.

Na derme os fibroblastos perdem a capacidade de proliferação e funcionalidade, ou seja, sintetizam em menor quantidade os elementos estruturais, tornando mais escassa as fibras de colágeno e elastina. Em paralelo, ocorre uma desorganização na matriz extracelular, o que acarreta em  perda da densidade dérmica.

Outro fator considerável é a perda do tônus muscular, evidenciando ainda mais os sinais do envelhecimento. Ocorre uma diminuição da síntese de acetilcolina, neurotransmissor responsável pela contração muscular.

Para amenizar esse processo de Quadralização Facial, é preciso atuar nos principais componentes que dão estrutura à derme para aumentar a firmeza, elasticidade e força de tração muscular. 

A associação de princípios ativos à Iontoforese permite resultados mais expressivos, devido ao mecanismo de entrega dos ativos à derme. O aparelho de Iontoforese ou de corrente galvânica caracteriza-se por corrente elétrica de baixa freqüência, utilizada para permeação de ativos através da barreira cutânea.

Essa corrente também é chamada de corrente contínua, pois os elétrons são direcionados para um único sentido, dependendo da escolha da polaridade (positiva ou negativa). O objetivo da eletroforese é aumentar a permeação dos ativos através da capacidade que a corrente tem em repelir íons de mesma polaridade.

Os ativos indicados para esse tratamento são:

Citrustem: Obtido das células tronco da laranja, sem modificações genéticas. Atua como arquiteto da pele, pois aumenta os níveis de expressão do colágeno tipo VI, elastina e ADAMTS2, que são responsáveis por organizar e redensificar a matriz extracelular. 

Raffermine: Agente firmador obtido do extrato hidrolisado de membranas da soja, rico em glicoproteínas e polissacarídeos. Age na reorganização e retração das fibras de colágeno, em que fortifica a arquitetura molecular da derme e à proteção das fibras eslásticas, impedindo sua degradação.

Zirhafirm: Composto pela associação da Jujubeira espinhosa, rica em derivados triterpênicos e Raiz de Maral, fonte de fitoecdisteróides. Atua como reestruturante, firmador e reposicionador, por estimular a expressão gênica de componentes da matriz como colágeno tipo IV, VII, laminina-5 e desmoplaquina; e inibir a ação de mataloproteinases.

DMAE: É um análogo da colina, que aumenta a biossíntese de acetilcolina na junção neuromuscular melhorando sua contração com uma ação firmadora e rejuvenescedora da pele.  Possui forte ação anti-inflamatória, antioxidante e hidratante. Estimula a liberação de acetilcolina, estimula e aumenta a contração muscular.

Ácido Hialurônico: O Ácido hialurônico é um açúcar complexo, formado por ácido D-Glicurônico e N-Acetilglicosamina, formando um polímero hidrofílico. Possui caráter hidrofílico, com alta capacidade de retenção de água, que intumesce e confere preenchimento entre os espaços.

Ácido Mandélico: É um alfa hidroxiácido de alto peso molecular, que penetra de forma lenta e uniforme na pele. Promove alterações das ligações intercelulares com diminuição da coesão dos corneócitos e descamação do estrato córneo, acelerando o processo de renovação celular. Possui ação despigmentante para todos os tipos de pele, pois atua na inibição da síntese de melanina e na remoção dos pigmentos hipercrômicos já formados.

Ácido Lactobiônico: É um polihidroxiácido obtido através da junção da Gluconolactona com a Galactose. Atua na normalização do turnover celular sem irritar a pele, tem forte capacidade de ligar-se à água, conferindo ação hidratante e potente ação cicatrizante, por atrair as células que reparam o tecido, como o colágeno.

Todo o tratamento em cabine tem seus resultados potencializados com o uso do Home Care, que garante ação firmadora, reestruturante e melhora da aparência das rugas e linhas.

 

http://negocioestetica.com.br/site/tecnologia-ionica-para-a-firmeza-cutanea/

Publicado em Noticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*